sábado, 4 de janeiro de 2014

Amanheço

Nesta noite serei jovem, 
mas antes serei menina no entardecer. 
olharei a beleza da aurora 
com os olhos da paz 
essa que é tingida de vermelho 
no amarelo do sol, 
que entre os homens é branca, 
mas entre os pássaros é somente paz. 
Quero amanhecer como a brisa 
ter nos olhos o envelhecer do dia 
e a inocência que nasce pelas manhãs.

- Carine Morais

6 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigada, Cintia.
      Feliz em vê-la aqui!

      beijos meus

      Excluir
  2. Cah! Me sinto assim, como o que escreveste. Tiraste as palavras que eu não sabia expressar, se bem que tanto tenho escrito a respeito de "amanhecer". 2014 de muita luz e bênção a você.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando você escreve, amanhece em palavras e nos faz amanhecer junto com você!

      Amém! Muita luz e bênçãos em sua vida Mirthy! Um 2014 de lindas manhãs, renovadas em esperança e fé!

      Beijos meus

      Excluir
  3. Diferenciaste teu estilo. Penso que te pegaste mais intimista e não sei se será por este iniciar de ano. Serás, pois, a jovem da noite e antes a menina do entardecer, terás nos olhos o envelhecer do dia, mas neles mesmos a inocência das manhãs. É belo e intimista. És bela em todos os estilos. Beijosssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os finais de ano me trazem certa melancolia... nostalgia... algo com "ia" e também acho que é devido as coisas que parecem ir (e algumas de fato se vão) com o ano que termina.

      Obrigada, é sempre um prazer vê-lo aqui. :))

      Beijos

      Excluir